Medicina Fetal ganha nova ferramenta no site do HGCC

24 de abril de 2014 - 16:23

A partir dessa sexta-feira, 25 de abril, o Hospital Geral Dr. César Cals, unidade da rede de hospitais da Secretaria da Saúde do Estado, passa a oferecer em seu site (www.hgcc.ce.gov.br) uma nova ferramenta. Ela foi pensada e desenvolvida especialmente para dar suporte à marcação de consultas e discussão de casos relacionados à Medicina Fetal, que é o acompanhamento especializado das gestações de alto risco e qualquer situação que possa interferir no desenvolvimento e/ou no bem-estar fetal em relação para as gestantes da capital, como também do interior do estado.

O lançamento será no III Congresso Cearense de Ginecologia e Obstetrícia, que acontece em Fortaleza, de 24 a 26 de abril, às 10h. Manoel Martins Neto, médico e coordenador do Serviço de Medicina Fetal do HGCC, fará a apresentação sobre a estrutura e o funcionamento da ferramenta, quais as características, em que casos deve ser usada, bem como sua finalidade. Segundo ele, o conhecimento do diversos casos, com as informações enviadas pelo site, vai permitir um atendimento ainda mais rápido, um diagnóstico precoce. “Quanto mais cedo iniciar o tratamento, melhor para a mãe e para o bebê, além de poder definir melhor as estratégias para terapêutica”, afirma.

O acesso é muito fácil. Na coluna Serviços, no site do hospital, há duas opções: clicar em Formulário de Medicina Fetal, ou na imagem correspondente ao número 2, na mesma coluna. Em seguida, é só preencher os campos com as informações principais sobre o caso. Ao clicar no botão enviar, as informações serão direcionadas para o correio eletrônico do serviço de Ginecologia e Obstetrícia do Hospital César Cals. Com base nas informações, um médico especializado entrará em contato para passar as orientações ou agendar a consulta, quando necessário, pelo sistema de marcação do estado ou do município. Daí a importância de preencher todos os campos corretamente.

O serviço de Medicina Fetal do HGCC existe desde novembro de 2012 e responsável pelo acompanhamento de gestantes no ambulatório especializado, nas enfermarias de patologias obstétricas e nas salas de parto. No ambulatório, principal porta de entrada dessas pacientes, o atendimento é organizado por consultas agendadas pela atenção básica, via sistema. Já em 2011,  hospital foi responsável pela realização da primeira cirurgia fetal do estado do Ceará. O procedimento contou com a participação de médicos de São Paulo e do Ceará e foi realizado com o feto ainda na barriga da mãe. Com isso, a gravidez que era de risco, transcorreu normalmente e os bebês se desenvolvam sem problemas até o momento de nascer. São cerca de 60 a 70 atendimentos por mês, duas vezes por semana.

O diagnóstico dessas doenças que atingem o bebê, ainda na barriga da mãe, é detectado por meio de avaliações clínicas, aconselhamento genético, ultrassonografia e procedimentos fetais invasivos, como a amniocentese, estudo do líquido amniótico, e a cordocentese, obtenção do sangue de cordão umbilical para estudo. 

Assessoria de Comunicação do HGCC
Wescley Jorge
ascom@hgcc.ce.gov.br / 85 3101.5323 – 8828.7463
Twitter: @Hosp_CesarCals
www.facebook.com/HospitalGeralCesarCals