lai

Secretarias e Órgãos

Telefones úteis

Redes Sociais

Página Inicial Notícias No banho de sol, mães fortalecem vínculo e ajudam na recuperação de bebês
voltar imprimir
Aumentar texto Diminuir texto
No banho de sol, mães fortalecem vínculo e ajudam na recuperação de bebês
Qui, 07 de Março de 2019 08:46

alt

Cuidado e autonomia são palavras que definem a ação de cada mãe que, sob a luz do sol, fortalece seus laços com seus bebês. Na tranquilidade do entardecer, elas se encontram diariamente para dar banho de sol nos filhos. É a hora de fortalecê-los, mas de também partilhar momentos, experiências, além de encontrar suporte emocional com outras mulheres que vivem momento semelhante no jardim interno do Hospital Geral Dr. César Cals, da rede pública do Governo do Ceará.

É quando o dia se despede que a esperança se renova. “Eu estava chorando muito, querendo ir para casa. Mas depois que comecei a frequentar o jardim do hospital, fiquei melhor. A gente passa a imaginar que não está nem no hospital”, conta Andresa Kelly Silva Machado, mãe das gêmeas Mariah Cecília e Mariah Helena, que nasceram no dia 21 de fevereiro. Para ela, poder cuidar das filhas e partilhar desses momentos com outras mães faz muita diferença enquanto permanece internada, esperando as filhas ganharem peso e serem liberadas para voltar para casa, na cidade de Icó, no interior do Ceará.

“O nosso objetivo maior é cuidar dos nossos filhos. Então a gente faz tudo por eles e nesse jardim além de esquecer um pouco da saudade de casa e da família, consegue ficar mais à vontade e compartilhar momentos e experiências”, declara Andresa Kelly. Há mais de um mês ela está no HGCC, quando iniciou o acompanhamento na Casa da Gestante, um centro de apoio às gestantes de alto risco que funciona no hospital.

alt

“As mães têm a oportunidade de fazer algo pelos filhos. Não precisam de outra pessoa”, diz a psicóloga Julliana Pinheiro Angelim. Ela é responsável pelo acompanhamento diário das puérperas durante o tempo de internação. “É como uma rede de apoio, de suporte. Eu vejo muito a questão da sociabilidade, o compartilhar de vivências”, reforça. Como muitas vezes as pacientes se sentem sós, pela distância de casa e das famílias, ter a oportunidade de encontrar outras mães na mesma situação favorece a recuperação e ainda provoca o sentimento de utilidade de participar da vida do outro.

Combate à icterícia

O banho de sol é recomendado desde o primeiro dia de vida. É um momento em que as mães e os pais também podem aproveitar mais intensamente a companhia dos filhos. A oportunidade de realizar esse momento na companhia de outras mães faz com que elas construam uma interação maior de apoio e socialização. Além disso, vários benefícios podem ser observados como a síntese de vitamina D, responsável pela fixação de cálcio e a formação da massa óssea. Em alguns casos, especialmente naqueles em que os bebês apresentam icterícia, o banho de sol é ainda mais importante, por fazer parte do tratamento. Quando isso acontece, esses momentos podem acontecer tanto pela manhã como à tarde. A icterícia é provocada pelo excesso da bilirrubina no sangue, substância produzida com a degradação da hemoglobina e que confere uma cor amarelada à pele do recém-nascido.

alt

Conforme explica a médica neonatologista Ana Daniele Andrade Vitoriano, recém-nascidos podem desenvolver a icterícia por conta da imaturidade de alguns órgãos. “Com o banho de sol, observamos os benefícios dos raios ultravioletas que ativam a vitamina D, melhorando o estado do recém-nascido”, diz a médica. Ela também chama atenção para o fortalecimento do vínculo entre a mãe e o bebê, com o contato direto, pele a pele, em momentos que se tornam únicos e especiais.

Foi o que aconteceu com Melinda, filha de Ana Karine Paiva da Silva, que nasceu há uma semana, e já está sendo levada pela mãe para o banho de sol diário no jardim. “Ela nasceu amarelinha, com icterícia. Aí ela está sendo acompanhada, passou por exames, inclusive o banho de sol foi aconselhado pela médica”, informa a mãe. Ana Karine considera o jardim um local bastante acolhedor, em que pode ficar mais à vontade. “Eu gosto muito de ficar aqui. Para mim, é um momento muito prazeroso. Quando está a família toda, é ainda melhor”, conta feliz a mãe, ao lado do companheiro.

alt

 

 

 

 

Assessoria de Comunicação do HGCC
Wescley Jorge
Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo. / 85 3101.5323
Facebook.com/HospitalGeralCesarCals

 

 

 

 

Calendário

Junho 2019
D 2a 3a 4a 5a 6a S
26 27 28 29 30 31 1
2 3 4 5 6 7 8
9 10 11 12 13 14 15
16 17 18 19 20 21 22
23 24 25 26 27 28 29
30 1 2 3 4 5 6